quarta-feira, 10 de outubro de 2007

Um ano dentro do copo

nnpc, Doin' the Dishes (Fluids Series), 2002

Há um ano e poucos dias atrás um copo entornado sobre a mesa media as horas de ausência que passavam em nós. O vazio não tinha fim nem a tristeza de um 'nós' interrompido lá no fundo. E eu morria e tu morrias fora do copo. Subitamente, ou nem por isso, no Inverno passado dobraste a esquina que nos separava e seguraste o vidro com duas mãos mais fortes, mais seguras e decididas do que eu conhecia. E os estilhaços do copo caído fizeram-se cálice cheio de história e um destino por cumprir. Seguro um brinde nesse cálice que transborda o que somos dentro. O 'nós' irreversível em que nos reconhecemos não se quebra, não se gasta nem se acaba. Por frágil que pareça o cristal na nossa mão, a vontade da alma e do coração com que brindamos o destino é indomável. E a vida é feita destas vontades teimosas em que nos cumprimos em tudo o que nos prometemos a nós mesmos. Merecemos o sempre em que nos coleccionamos dentro deste copo renovado e intacto. Acontecemos infinitamente mais para além das palavras de amor que o transbordam. Somos uma, como sempre fomos, dentro e fora do copo.

4 comentários:

Sandrita Star disse...

Miss Always,

"a vontade da alma e do coração com que brindamos o destino é indomável"

Conhecendo-te, sei sim.
Conhecendo-me tu, saberás que sim.

E, porque és tão especial sei que, apesar de serem Uma, serás também para mim o quanto-e-tanto sou para ti.
Para ti, eu que continuo assim tão f-a-s-c-i-n-a-d-a por cada milímetro da tua existência!

Kempei! (escreve-se assim?)
S.Star

underadio disse...

Tinha de vir, Always.
:)
Não sei desde há qt tempo acompanho o "dentro do copo vazio" mas, por todas as razões e mais alguma, sendo q a principal és tu, tinha de vir.

Beijos e desejos q "o copo", sempre em agradável brinde, continue por longos anos

Always disse...

Sandrita Star,

Conhecendo-te, tenho a certeza que sim.

O que é realmente especial é a capacidade de gostar assim tão generosamente como eu gosto de ti e tu de mim. Esse é o grande fascínio de uma eterna amizade! Sempre! :)

Acho que se escreve 'Campay', mas não tenho a certeza, só sei escrever o nome da bebida 'Maotai'.

Always disse...

Underadio,

Obrigada pela atenção e por voltares sempre ao que vai ficando 'dentro do copo'. Serás sempre bem-vinda por muitos e longos anos que dure o copo (que sinto e desejo eterno na matéria que lhe dá forma). :)

Beijos