sexta-feira, 8 de dezembro de 2006

Ainda te lembras?...


Hugh Macleod «So Tell Me», 2006 (Stormhoek label designs)
O que é que eu te respondia quando tu me dizias 'Amo-te' ?

10 comentários:

Senhora Saudades disse...

oohh i like this entry! i like the sketch, the font, the sheer honesty of the question, and the inquirer her/himself. my problem is, i always tell it like it is but nobody believes me! :(

[snipped what i've just written. sorry :) ]

so then, what was it that you answered?

F.
i don't care about the rain and severe wind gusts. so long as you're around.

SK disse...

Bem... agora fiquei sem grandes comentários para fazer... a resposta tem alguma coisa a ver com a imagem?

wind disse...

Excelente imagem:)

Always disse...

SENHORA SAUDADES,

LOL... I can't tell you the answer, sorry.

It's a directed question to someone who has heard my answer lots of times - a test to her memory, nothing else. Even if she remembers it, she won't say a word.

I chose that picture to add some irony to my question.

PS - Don't worry about the rain, I'll be here.

-----------------------

SK,

Hahaha... Já vi que hoje não faço outra coisa senão gerar equívocos. ;)

A pergunta tem uma resposta que nada tem a ver com a imagem. Quem sabe a resposta (se não esqueceu)está longe e nada interessada em responder a perguntas minhas.

Escolhi esta imagem pela ironia do comentário. Já que sei de antemão que não vou ter resposta, ilustrei a pergunta de forma irónica.

------------------

WIND,

Ando perdida no meio da tua arte fotográfica. A escolha é tão difícil! Prometo esmerar-me no texto para não estragar a foto que te vou roubar. :)

Always disse...

WIND,

PS - Já escolhi a foto - «Copo Partido» (Words, 12.NOV.2006)- emprestas-ma? :)

wind disse...

Claro e obrigada:)

Always disse...

Eu é que agradeço o teu talento por detrás da camera. :)

Anónimo disse...

Miss Always,

Imagino a resposta grrrr...
E tenho a certeza que quem-sabe-a-resposta não se esqueceu, tão pouco se esquecerá de ti.
Como esquecer-te? Impossível.
És como aquele poema do Rilke...
Nem a morte te fará esquecer, mas essa é a vingança para quem-sabe-a-resposta não se esqueceu: ficar a eternidade com a tua memória, porque ficar contigo não ficará!!

S.Star

Always disse...

Querida Star,

Esquecer ou não, depende da importância com que as pessoas acontecem na nossa vida.

Aquela que sabe a resposta à minha pergunta (ou já soube) tem-se aplicado intensamente a desistir de me lembrar.

Importantes para mim são as pessoas que me conservam sempre... como tu e eu aqui há muitos anos, já ganhámos a eternidade.

Always disse...

Para que conste, ela lembra-se da resposta. Respondeu certo quando eu lhe perguntei no outro dia quando nos encontrámos. :)