sexta-feira, 5 de janeiro de 2007

A resposta certa àcerca do amor

Peter Elköf, 2006

Do filme «THE MEXICAN» (A Mexicana, Real: Gore Verbinski, 2001, EUA):

LEROY (James Gandolfini): I wanna ask you a question. It's a good one, so think about it. If two people love each other... but they just can't seem to get it together... when do you get to that point of enough is enough?
JERRY (Brad Pitt): Never.

11 comentários:

whitesatin disse...

Pois...é mesmo uma fonte inesgotável.
Belíssima resposta :)

Beijos e abraços

Anónimo disse...

Acho que não concordo mas seria bom que as coisas fossem assim. Às vezes, enough is enough, independentemente do grande amor que se sente. Na minha opinião, claro.
Mas eu ando numa fase muito descrente, por experiência própria..

SK disse...

Essa é uma perspectiva assustadora e angustiante, mas é quase isso. Quase.
Eventualmente, com o tempo, a mudança de estações, da paisagem, dos tons, talvez a intensidade também mude, e por fim as terminações nervosas ligadas comecem a desligar, e por aí fora, e talvez que ao mesmo tempo que envelhecemos esse amor também envelheça, aquele que está sozinho, e se farte… Talvez.

wind disse...

Há que cortar rapidamente e de vez!
bjs

Always disse...

Whitesatin,

É a resposta dos que amam incondicionalmente e não desistem de encontrar soluções para os problemas, confiando na força do amor mútuo.

-----------------

Isobel,

Enough is enough apenas quando o amor entre duas pessoas se perde.

------------------

SK,

Por angustiante que pareça, é a resposta certa. Ninguém vive no paraíso, o mundo não é perfeito e o céu não existe. Os problemas existem, a vida é um constante desafio. Se o amor existe entre duas pessoas isso torna-os mais fortes para resolverem questões pendentes, porque há essa vontade.

Quando o amor se desvanesce ou não existe, a relação torna-se frágil, as pessoas distantes e sozinhas. E nessa altura enough is enough.

--------------------

Wind,

Cortar rapidamente o amor?! Porquê?

sergio disse...

@isobel; e quando o amor entre duas pessoas só se perde de um lado? enough is enough too?

Anónimo disse...

Sérgio, para quem o amor se desvanece, enough é sempre enough.

wind disse...

não se sofre.

Always disse...

Wind,

Cortando o amor não se sofre, mas também não se vive.

wind disse...

Quem te disse isso?
Vivo sem amor de relação sexual há alguns anos e nesse aspecto sei que não quero mais:)

Always disse...

Contra escolhas pessoais eu não argumento. Só posso falar por mim. :)

Bjos